"Bem-aventurados os que têm fome e sede de justiça, porque serão saciados" - JESUS CRISTO

sábado, 28 de março de 2009

Existe Esperança...

As últimas semanas na cidade do Rio de Janeiro me levaram a tristeza e indignação, crianças morrendo por balas perdidas, bairros reféns da guerra do tráfico, o sentimento é que a população da nossa cidade está largada e sem como reagir a uma situação que parece, eu digo, parece impossível de ser controlada.

Agora talvez você pense: Mas isso não está acontecendo nas últimas semanas em especial, isso vem acontecendo a muito tempo...Pois é, tudo isso acontece a bastante tempo, e se você vive aqui sabe e pensou que isso vem rolando a um bom tempo, quero lhe dizer que essa foi uma maneira de chamar sua atenção, não para as coisas terríveis que tem acontecido no Rio de Janeiro, mas para muitas coisas boas que podem interferir diretamente em tudo que tem acontecido, mas que derrepente você não se ligou.


Existe um exército que sonha e acredita que TUDO PODE MUDAR e vem almejando, lutando, buscando um Rio de Janeiro de Paz esse exército não utiliza as armas que tem matado as nossas crianças, mas ele tem como principal força para mudar essa situação o AMOR, talvez alguém já tentou falar desse AMOR para você e você fechou os ouvidos e trancou o coração, quem sabe você pense, mas eu sou uma pessoa boa não preciso desse papo de crente, lance de Evangelho, quem precisa mudar são os que praticam a violência...Cara você pode ser realmente uma pessoa boa, mas lembre-se que pessoas boas também estão morrendo imerecidamente, isso não é justo, é preciso que o AMOR alcance os que praticam o mal antes que a violência aconteça, e a demanda tá grande tem muita gente precisando ser alcançada, logo o exército do AMOR precisa crescer, precisa de mais soldados, eu já me alistei e agora convido você a se alistar também, vamos contribuir para que o AMOR chegue aos corações das pessoas que praticam o mal antes que elas pratiquem, que o AMOR chegue as pessoas com posições estratégicas na sociedade para que a gestão pública tenha sua raiz na ética, igualdade e respeito.

Ainda há esperança....



domingo, 22 de março de 2009

Rio de Paz!

video

sexta-feira, 20 de março de 2009

Sede de Justiça


Não posso ficar calado
Não posso ficar de mão atadas
Com tantos votos comprados
Cartas marcadas
Profetas calados
As portas do inferno não vão prevalecer contra a Igreja
Bem-aventurado os que tem sede de justiça
Eu tenho sede de justiça
Sede de justiça
Sacia minha sede, Senhor


Bendito será o Rio de Janeiro, quando cada carioca assumir a posição de INCONFORMADO e decidir declarar NÓS TEMOS SEDE DE JUSTIÇA!


terça-feira, 17 de março de 2009

Todo mundo faz!

Por vezes me encontro decepcionado com a nossa falta de coragem como população em encarar a realidade, coloca-se toda responsabilidade da situação caótica na falta de compromisso dos que administram a segurança publica, é fato que a corrupção, colocar os intesses propios a frente dos interesses coletivos e outras mazelas que, infelizmente, ainda fazem parte da gestão publica, são fatores de peso na construção dessa situação ridícula que hoje se vive no Rio de Janeiro, entretanto, não podemos fechar os olhos e achar que tudo isso acontece de maneira que nós não podemos interferir, isso não é verdade, corrupção e injustiça são fundamentadas em um carater carente de princípios e valores, quando um individuo em situação de carater afetado, assume um posição onde irá afetar o coletivo, como na gestão publica, por exemplo, é um sintoma de que a população afetada começou a "entender" a diminuição dos valores e já não se incomoda tanto..."afinal todo mundo faz".

É exatamente aí que precisamos dar um basta, a tentativa de desvalorizar a família, a facilidade para se encontrar com as bebidas pelas crianças e adolescentes, falta de incentivo a formação profissional, crianças e adolescentes largados, fatores olhadas com uma naturalidade que me espanta, essa "liberdade" baseada na falta de valores tem sustentado uma sociedade corrompida, consequentemente uma boa parcela das pessoas que deveriam zelar pela manutenção da ordem fazem uso da falta de indignação gerada pela onda de "liberdade" que na realidade consiste em degradação moral, para manter o sistema falido e impotente.

Montar sistemas bélicos e estratégias muitos bem estruturadas para enfrentar o trafico, organizar milhares de secretárias para cuidar da segurança publica e etc e etc e etc...Podem gerar resultados, mas infelizmente, paleativos, pois o que realmente precisamos é que a nossas crianças e jovens deixem de viver em uma sociedade que acha "bonitinho" a degradação moral.